PPP

1) O que é PPP?

O PPP – Perfil Profissiográfico Previdenciário é um histórico laboral do funcionário, mencionando informações de natureza administrativa, riscos ocupacionais, medidas de controle, exames médicos ocupacionais, para fins de aposentadoria especial.

2) Como surgiu o PPP?

Criado pelo INSS, este documento substitui o antigo SB-40 ou DSS-8030, sendo que a empresa deverá elaborar e manter atualizado Perfil Profissiográfico, abrangendo as atividades desenvolvidas pelo trabalhador e fornecer a este, cópia autêntica desse documento, quando da rescisão do contrato de trabalho.

3) Todas as empresas deverão providenciar o PPP?

As empresas que possuírem riscos físicos, químicos e/ou biológicos deverão implantar imediatamente o PPP de cada funcionário. As empresas com riscos ergonômicos e/ou mecânicos devem iniciar, o quanto antes, a coleta de dados, pois em breve se tornará obrigatório.

4) Posso continuar emitindo DIRBEN 8030 para períodos anteriores?

Não. Só o PPP será aceito.

5) Como preencher PPP se não dispuser dos dados?

PPP emitidos, referentes a períodos laborados em que não havia obrigatoriedade de laudos ou PPRA e PCMSO, devem ser preenchidos pela empresa, somente com base nas informações existentes à época.

6) E se a empresa não existir mais?

Se estiver legalmente extinta poderá ser apresentada justificação administrativa. Para períodos anteriores a 28/04/95 será levado em conta a categoria profissional registrada em CTPS. Para períodos posteriores, ou para ruído, será necessário Laudo Técnico das Condições Ambientais de Trabalho – LTCAT.

7) Quem deve ser responsável pela emissão do PPP?

O representante legal da empresa, conforme o Parágrafo 1º do Inciso VII do art. 187 da Instrução Normativa INSS/DC nº 84, de 17/12/2002.

8) Quando se emite o documento PPP para instrumentar processo de solicitação de aposentadoria especial é necessário enviar junto uma cópia do Laudo Técnico (LTCAT) ao INSS?

Não; o PPP foi instituído também para não necessitar de acompanhamento do LTCAT. No entanto, esse LTCAT deve permanecer na empresa de forma atualizada.

9) Para empregado desligado da empresa há cerca de dez anos e que retorna solicitando o formulário para requerer aposentadoria especial, que documento se lhe deve fornecer: DIRBEN 8030 ou PPP?

Para empregados desligados da empresa antes da Lei entrar em vigor, o documento a ser fornecido é a cópia do DIRBEN-8030, eventualmente já fornecido anteriormente e extraviado, ou se nunca fornecido anteriormente, o formulário DIRBEN-8030, desde que datado até 31/10/03. Após essa data, qualquer formulário para esse fim deve ser necessariamente o PPP.

10) Se um empregado é funcionário da empresa há cerca de dez anos e somente tem seu contrato de trabalho encerrado após a Lei entrar em vigor, como preencher os dados exigidos no PPP se em determinadas épocas não tínhamos todos os dados agora requeridos?

Para os períodos anteriores a empresa deverá fornecer no PPP tão somente os dados até então exigidos, desde a data da admissão do empregado, não sendo lícita a exigibilidade de informações inexistentes em atos normativos anteriores, uma vez que estes não são válidos para exigibilidades pregressas.

Tem alguma dúvida? Pergunte nos comentários que responderemos em breve!

77 comentários sobre “PPP”

  1. marco Pereira disse:

    Para profissionais que trabalha por agencia ou terçeiros, dentro de uma outra empresa quem deve fornecer o PPP.

    • rocha disse:

      O Perfil Profissiográfico Previdenciário (PPP) é um formulário com campos a serem preenchidos com todas as informações relativas ao empregado, como por exemplo, a atividade que exerce, o agente nocivo ao qual está exposto, a intensidade e a concentração do agente, além de dados referentes à empresa.

      O formulário deve ser preenchido pelas empresas que exercem atividades que exponham seus empregados a agentes nocivos químicos, físicos, biológicos ou associação de agentes prejudiciais à saúde ou à integridade física.

      O empregador deve fornecer o PPP ao empregado.

  2. Ubiraci Jaqueira disse:

    Por que a PPP tem que passar pelo Técnico de Segurança do Trabalho

  3. Paula disse:

    Bom dia,
    Gostaria de saber se para cada função que o funcionário exerceu na empresa será necessário um PPP ou em apenas um PPP poderá ser informado todas as funções.

    Grata,
    Paula.

    • Cristiane disse:

      Bom dia, Paula
      Apenas um PPP deverá ser elaborado, e neste será informado as funções que o funcionário desevolveu na empresa. O PPP deve ser elaborado pela empresa empregadora e no item 13.Lotação e atribuição, será descrita todas as funções que o funcionário desenvolveu e o período.
      Agradeçomos seu contato e ficamos a disposição!
      Um abraço!

  4. Rodolfo Maia disse:

    Já recebi o meu PPP de algum tempo atrás, mas ele está no formulário antigo. Devo pedir à empresa para trocar o fomulário ou ele será aceito desta forma? É que o novo formulário começou a valer de algum tempo pra cá.

    • Cristiane disse:

      Boa tarde, Rodolfo Maia
      A empresa fornecerá o PPP ao funcionário, quando o mesmo for dispensado (demitido) e, sendo assim, preenchido no formulário correspondente a época em que houve a dispensa, que corresponderá ao cumprimento da legislação vigente na época.
      Obrigada por sua participação.

  5. Adriana Cardoso de Freitas disse:

    Por favor, informe se os campos 17 (exames médicos e complementares) não poderão ser preenchidos pelos médicos, pois a Médica do Trabalho que presta serviço para a Empresa recusou a fornecer estes dados e se os campos 18 (responsável pela monitoração biológica) deverá ser preenchido com o nome do Coordenador do PCMSO ou esses dados serão de quem?

    • Cristiane disse:

      Boa tarde, Adriana Cardoso
      O preenchimento dos campos relacionados aos exames médicos clínicos e complementares está vetado, conforme a Resolução Nº 1.715, de 8 de janeiro de 2004 do Conselho Federal de Medicina. Por violação do sigilo médico profissional.
      Art. 2º “É vedado ao médico do Trabalho, sob pena de violação do sigilo médico profissional, disponibilizar, à empresa ou ao empregador equiparado à empresa, as informações exigidas no anexo XV da seção III, “SEÇÃO DE RESULTADOS DE MONITORAÇÃO BIOLÓGICA”, campo 17 e seguintes, do PPP, previstos na IN n.º 99/2003″.
      Parágrafo único. “Fica o médico do Trabalho responsável pelo encaminhamento das informações supradestacadas diretamente à perícia do INSS”.
      Obrigada por sua participação!
      Contate-nos pelo fone: 11 2148-6888 ou por email: centralatende@centraldocumentos.com.br

  6. marcelo disse:

    gostaria de um modelo de ppp,pra eu saber como se preenche. obrigado

  7. mirian braatz disse:

    Bom dia
    Houve um erro do funcionário do INSS quando requeri a aposentadoria, pois já tinha mais de 25 anos como professora e 5 anos numa indústria de cal que também se enquadra na aposentadoria especial e tive a aplicação do fator previdenciário de 60% e só agora descobri isso, pois procurei um advogado e ele falou que estava tudo certo. Agora estou pedindo a revisão da aposentadoria, mas estou tendo problemas com 2 instituições de ensino que possui escolas em todo estado, pois faz mais de 45 dias que solicitei o PPP ou similar e quando questiono a escola onde trabalhei eles respondem que não sabem quando o documento vai ficar pronto. O que posso fazer, pois acredito que existe um prazo para entrega desses documentos.
    Antecipadamente agradeço sua atenção

  8. paulo sergio disse:

    me ajudem por favor; se a empresa hoje, mesmo sabendo que deveria ter providenciado o LTCAT, PPRA e o PCMSO e nao providenciou; como ficam os campos que precisam dessas informaçoes? deve-se emitir o PPP assim mesmo ou nao? muitas empresas nao providenciaram (por irregularidades). devemos colocar uma observaçao que a empresa nao possui esta documentaçao?
    tenho esta situaçao.

  9. MARIA TERESA MARTINS disse:

    Bom Dia ! Prezados Senhores, fiquei feliz em poder ver as informacoes que voces prestao referente ao PPP e a eficiencia e presteza passadas a todos que buscam dirimir as duvidas existentes.
    Tenho um escritorio de Contabilidade e estou com algumas duvidas referente ao PPP em razao de uma ex-funcionaria que trabalhou de julho de 2005 a janeiro de 2007 em uma empresa de Confeccao sob medida na funcao de COSTUREIRA, desde todo o periodo laboral. Buscando atualmente junto a empresa o PPP, pois ela esta buscando se APOSENTAR. A empresa nao tem atividade que apresente EXPOSICAO A FATORES DE RISCO. Somos OBRIGADOS a preparar o PPP ou NAO? Agradecendo desde ja sua atenção, Abracos,
    Teresa Martins
    Fones: 81-41413322/ 9286-0460

  10. Diego Santos Silva disse:

    Um funcionário da empresa que trabalhou no período de 01/11/1995 a
    06/05/1998 solicitou o PPP da empresa, mas a mesma não possui registros ambientais da época em que ele trabalhou (LTCAT, PPRA, PCMSO), não fez ASO, e não possuia médico coordenador de PCMSO.

    No entanto, a empresa realizou na data 08/08/2008, um LTCAT para a mesma função, só que referente a PPP de outro funcionário. O LTCAT não especifica nome de nenhum funcionário.

    Considerando que o LTCAT foi elaborado para comprovar a exposição de um funcionário cujo período laborado engloba o período do funcionário que está nos solicitando o PPP, posso utilizar este LTCAT de 2008, colocando o nome do elaborador do LTCAT no PPP como responsável pelos registros ambientais?

    Quanto a parte dos exames médicos, como devo preencher o PPP, sendo que não temos médico coordenador do PCMSO, e não foram feitos os exames do período trabalhado?

    Desde já agradeço!

  11. Carla disse:

    Como preencher os itens sobre fatores de risco, registros ambientais e monitorização biológica, se a empresa não possuir PPRA, nem PCMSO. Deixa esses campos em branco???

    E se um funcionário não tem PPP de nenhuma empresa para a aposentadoria, se faz o PPP de cada empresa?? Ou apenas da última?

    Grata

  12. Júlio disse:

    Por exemplo.
    Se eu estiver afastado da empresa devido á um acidente de trabalho, e voltar após 10 anos, como eu devo preencher o P.P.P. E esses 10 anos, ou 5 anos, que seja que eu fiquei “parado”, eu consigo aposentadoria antecipada através do P.P.P?
    Obrigado,

  13. Júlio César Ferreira disse:

    Se eu ficar afastado 10 anos do meu serviço e faltavam 5 para eu poder me aposentar, no P.P.P eu “pulo” esses 10 anos e preciso trabalhar mais 10 para aposentar?

  14. Muito bem explicado, todas as dúvidas, parabéns! Gostaria de saber quanto tempo a empresa tem para emitir o PPP, depois que despensa o funcionário?

  15. Daniel disse:

    Bom dia!
    Desde 1º de outubro de 1988 trabalho terceirizado em um terminal petrolífero fazendo jus a periculosidade de 30%, lidando com derivados do petróleo, hidrocarbonetos, gás, etc. e por muitos anos em regime de turno de revesamento 24 horas, sábados, domingos e feriados.
    Sempre por períodos de contratos e mudando de firmas ao final.
    A questão é que nunca peguei o antigo SB40, até então não sabia a respeito, e muito dessas firmas já não existe mais, como eu procedo para recuperar estas documentações importantes para mim ou comprovar estes períodos?

  16. Bruno B. da Silva disse:

    Bom dia

    Por favo rgostaria de saber quais os documentos necessários para ser feito uma PPP e se voces fazem emitem essa PPP?

    Obrigado!

  17. Victor Hugo disse:

    Prezados, boa tarde.
    Tivemos uma funcionária que trabalhou em nossa empresa do perído de 1988 a fev de 1995, ela querendo se aposentar solicitou junto a empresa o PPP, mais não temos o PPP dessa época, até porque sua exigência foi bem depois desta data.
    Como proceder nessa situação.

    • Cristiane Costa disse:

      Bom dia, Vitor Hugo

      A empresa tem por obrigação fornecer o PPP sem ônus ao funcionário, sendo assim deverá providenciar e seguir a legislação vigente. Onde serão utilizados os dados ambientais da época em que a funcionária trabalhava na empresa.

      Oferecemos esse serviços, caso tenha interesse entre em contato.

      Agradecemos sua participação.
      Um abraço!

  18. gilmar disse:

    sou técnico de elevadores e escadas rolante, Trabalhei em uma empresa multinacional de 1987 até 2001, após ser demitido movi processo de periculosidade e insalubridade e em 2009 ganhei o processo. atualmente estou em outra empresa do mesmo ramo há 8 anos e queria saber se tenho direito ao ppp. já que na Empresa anterior eu ganhei o processo na justiça e se ainda vale os 25 anos sem ser obrigatório os 53 de idade? tenho 46 de idade e tenho problemas constante de burcite no ombro por exercer esforço fisico. mais un detalhe será que por ter movido um processo a empresa dará o ppp favorável?

    • Cristiane Costa disse:

      Bom dia, Sr. Gilmar

      Toda empresa tem o dever de elaborar o PPP, mantê-lo atualizado e entregar uma via ao funcionário no momento de sua demissão.

      Agradecemos por sua participação
      Um abraço!

  19. Pedro Wagner Pinheiro disse:

    Bom dia,

    Existe um prazo legal para emissão PPP pelas empresas?
    Essa pergunta é em função da minha necessidade em requerer a aposentadoria junto INSS; visto que eu trabalhei numa empresa de 1985 a 1987 e fiz o requerimento PPP no início de Junho/12, mas até esse momento não fizeram a emissão do documento e não tem prazo, alegando que existem outras pessoas “na fila”.
    Por favor, gostaria de vocês pudessem me esclarecer essa dúvida e quais são os caminhos alternativos para agilizar a emissão do PPP

    obrigado

    • Cristiane Costa disse:

      Bom dia, Sr. Pedro

      A legislação diz somente que as empresas são obrigadas a fornecer o PPP aos funcionários, não menciona prazos.

      Agradecemos por sua participação
      Um abraço!

  20. Manoel disse:

    Trabalho em uma empresa há 23 anos só que até 1997 não havia estas medições pois estou na área de riscos (físicos,químicos e biológicos) quando completar o tempo para especial sem estas medições como proceder?

    • Cristiane Costa disse:

      Bom dia, Sr. Manoel

      Deverá solicitar a empresa o PPP com as informações do ambiente de trabalho de todo o periodo.

      Agradecemos sua visita.
      Um abraço!

  21. eliete disse:

    bem, diante de todos esses questionamentos que li,fiquei pensando! com está falta de informações dos empregadores a respeito do PPRA, PCMSO, LTCAT, só dificulta a vida do trabalhador, que já não é muito facil, trabalha a vida toda, quando realmente precisa de seus direito adqerido ai sim, comeca uma verdadeira guerra INSS verso EMPRESA.toda essa guerra se da falta de informações , pois a empresa não sabem e não enteressa em saber, o quanto e de extrema importancia o PPRA e o PCMSO par o colaborador, nesta hora, vamos lutar juntos ,para que vire lei, a importancio do PPRA e do PCMSO para a omologação da documentação no MTE, só assim o empregador tera responsabilidade para com o colaborador. é o que penso obrigado.

  22. Antonio Carlos de Souza disse:

    Bom dia !

    Gostaria de saber se tenho direito ao PPP na empresa que trabalhei na area de controle de qualidade onde estava sempre fazendo teste em materiais na seção de estamparia e usinagem.
    Obrigado

    • Cristiane Costa disse:

      Bom dia, Sr. Antonio Carlos

      As empresas que possuírem riscos físicos, químicos e/ou biológicos deverão implantar imediatamente o PPP de cada funcionário. As empresas com riscos ergonômicos e/ou mecânicos devem iniciar, o quanto antes, a coleta de dados, pois em breve se tornará obrigatório.

      Agradecemos sua visita.
      Um abraço!

  23. Fátima disse:

    Funcionário desligado da empresa há 23 anos retorna solicitando a emissão do ppp afim de requerer aposentadoria por tempo de serviço.A empresa já não existe , teve suas atividades paralisadas há 12 anos e a maioria dos sócios já faleceram.Os documentos da firma extraviaram todos. Restaram apenas tres sócios, um que deteve o cargo de diretor durante muitos anos, e cotista majoritário e outros dois cotista minoritários, mas nenhum deles participaram da contratação do funcionário.Como sanar este problema.

    • Cristiane disse:

      Bom dia, Sra. Fátima

      Se a empresa estiver legalmente extinta poderá ser apresentada justificação administrativa. Para períodos anteriores a 28/04/95 será levado em conta a categoria profissional registrada em CTPS. Para períodos posteriores, ou para ruído, será necessário Laudo Técnico das Condições Ambientais de Trabalho (LTCAT).

      Agradecemos sua visita.
      Um abraço!

  24. Fábio disse:

    Estou recebendo pedidos de PPP de funcionários que trabalharam e se desligaram da empresa na década de 1980. É obrigatório fornecer hoje esse documento ou algum documento para esses funcionários mesmo que o local não apresente riscos fisicos quimicos e biologicos?

    • Cristiane disse:

      Bom dia, Sr. Fábio

      As empresas que possuírem riscos físicos, químicos e/ou biológicos deverão implantar imediatamente o PPP de cada funcionário. As empresas com riscos ergonômicos e/ou mecânicos devem iniciar, o quanto antes, a coleta de dados, pois em breve se tornará obrigatório.

      Agradecemos sua visita.
      Um abraço!

  25. Antonio Oliveira disse:

    Trabalhei em uma empresa de 1980 a 1989.
    Quando ela me entregou o PPP estava com os dados incorretos.
    Não consta riscos físicos e danos a minha saúde, a empresa preencheu
    os todos os dados a baixo dos riscos que eu corria na época.Sendo assim não consigo me aposentar, pois o PPP esta incorreto.O que devo fazer?

    • Cristiane Costa disse:

      Bom dia, Sr. Antônio

      O PPP é um perfil da empresa e dos serviços que prestava no local, existem documentos (laudos ambientais, PPRA, Laudo de insalubridade entre outros) dos quais são extraídos essas informações e todos devem estar de acordo.

      Agradecemos sua visita.
      Um abraço!

  26. marcos andré disse:

    Solicitei o ppp a empresa a mas de 2 meses,ate então não mim fornecero alegam varias descupas pelo atraso e ainda não recebe o ppp o que faço,esta acontecendo descomplimento da lei, para onde devo mim encaminhar.Grato pela atenção

    • Cristiane Costa disse:

      Bom dia, Sr. Marcos André

      A legislação diz somente que as empresas são obrigadas a fornecer o PPP aos funcionários, não menciona prazos.

      Agradecemos por sua participação
      Um abraço!

  27. falta 02 anos para aposentar,pois o inss indeferiu,o ganho de tempo especial,numa empresa de retifica de motores,que trabalhei, de 86 a 95,pois ,o proprietario,nao colocou,ruido nem quantos decibeis de ruido,sendo que,o local era muito ruidoso na epoca que trabalhei,hoje nao produz muito ruido,alegando que na epoca ,nao ultrapassava,60 decibeis,o que posso fazer,neste caso,e possivel pedir outro ppp,que seja acima,de 80 decibeis,aguardo sua resposta,obrigado

    • Cristiane disse:

      Bom dia, Sr. Celso

      O PPP é um perfil da empresa baseado em documentos existentes, ou seja elaborados pela empresa na épocas devidas. Destes documentos são extraídos as informações dos riscos e agentes existentes nos locais de trabalho.

      Agradecemos sua visita.
      Um abraço!

  28. rafael mariano disse:

    queria saber antes de ser chamado PPP qual era o nome do documento?

    • Cristiane Costa disse:

      Bom dia, Sr. Rafael Mariano

      Haviam outros documentos apresentados aos INSS para fins de aponsentadoria chamados de DIRBEN 8030, DSS 8030 e laudo de aposentadoria, atualmente somente aceito o Perfil Profissiografico Previdenciário – PPP.

      Agradecemos sua visita.
      Um abraço!

  29. samuel da rocha szarkow disse:

    a empresa é obrigada a fornecer o ppp, mesmo quando o empregado está ainda trabalhando na mesma , e esta encaminhando sua aposentadoria?

    O sindicato poderá fornecer documentos referentes a empresas falidas antes de 1995 para aposentadoria especial ?

    • Cristiane Costa disse:

      Bom dia, Sr. Samuel

      Sim, o PPP é um direito do empregado. Este apenas estará em aberto, pois não constará data de demissão.

      Se a empresa estiver legalmente extinta poderá ser apresentada justificação administrativa. Para períodos anteriores a 28/04/95 será levado em conta a categoria profissional registrada em CTPS. Para períodos posteriores, ou para ruído, será necessário Laudo Técnico das Condições Ambientais de Trabalho – LTCAT.

      Agradecemos sua visita.
      Um abraço!

  30. cleci salete da silva disse:

    Trabalhei como telefonista em uma empresa de março de 78 a janeiro de 79. Essa empresa tem que fornecer qual documento ? PPP ou Dirben 8030. E trabalhei em outra como telefonista tbem de março de 84 a janeiro de 87, e o RH disse que só vai me fornecer o Dirben 8030. Será aceito pelo INSS?

    • Cristiane Costa disse:

      Bom dia, Sra. Cleci

      Para empregados desligados da empresa antes da Lei entrar em vigor, o documento a ser fornecido é a cópia do DIRBEN-8030, eventualmente já fornecido anteriormente e extraviado, ou se nunca fornecido anteriormente, o formulário DIRBEN-8030, desde que datado até 31/10/03. Após essa data, qualquer formulário para esse fim deve ser necessariamente o PPP.

      Agradecemos sua visita.
      Um abraço!

  31. marcia vidal disse:

    Estou precisando do PPP da VARIG, mas nao sei onde encontrar o RH ou quem me de esse perfil.Grata

    • Cristiane Costa disse:

      Bom dia, Sra. Marcia

      Somente a empresa empregadora ou seus representantes poderão fornecer este documentos aos funcionários.

      Agradecemos sua visita.
      Um abraço!

  32. manoel Grummt disse:

    Boa noite, tivemos um funcionario trabalhando em
    nossa empresa no periodo de 1986 a 1990. Agora ele nos solicitou o PPP. Como faço pra fornecer a PPP a ele relativo a esse periodo?

  33. Luiz Carlos Martins disse:

    Estou dando entrada em minha aposentadoria tenho direito a um laudo já que trabalho em uma terceirizada dentro de uma indústria química?
    Obs: sou operador de empilhadeira e já tenho o ppp.

    • Cristiane Costa disse:

      Boa tarde, Sr. Luiz Carlos

      Todos os trabalhadores, atualmente, expostos a riscos tem o direito de receber do empregador o PPP. Note que é o seu empregador que deve fornecer o seu PPP em conformidade com os riscos a que estava exposto no local onde trabalhava.

      Agradecemos sua visita!

  34. david pereira disse:

    tenho 50 anos e mais ou menos,24anos de contribuição ja tenho a ppp de uma impresa, uma outra esta ativa mas mudou de indereço e so me deu um comprovante, a advogada falou que este não vale. trabalhei no meu primeiro imprego no carrefour em 76 no setor de frios,tenho direito a ppp

    • Cristiane Costa disse:

      Boa tarde, Sr. David

      O PPP deve ser emitido pelo empregador ou responsável autorizado por ele, assim deverá tentar localizar a empresa para receber a devida documentação.

      Agradecemos sua visita.

  35. janice dos santos guimaraes moraes disse:

    boa tarde trabalhei onze anos e seis meses no hospital são rafael no setor de higienizacao. com produtos quimicos, como removedor de cera.cera para tratamneto de piso,hipoclorito e outros. estou com problemas de saude devidos os produtos. já tenho quase vinte sete anos de trabalho só que o meu ppp que levei para da entrada na aposentadoria, não foi aceito.

    • Cristiane Costa disse:

      Boa tarde, Sra. Janice

      A melhor opção é verificar o porque da não aceitação e solicitar junto ao empregador revisão, se houver necessidade.

      Agradecemos sua visita

  36. Trabalho em indústria siderúrgica, há 27 anos e requeri meu PPP para entrar com processo de aposentadoria especial, mas fiquei surpreso que o meu PPP, veio com nível de ruído muito baixo ( 80db), e do meu amigo, que temos o mesmo tempo de casa, mesma função, mesmo chefe e mesma gerência veio 90(db), tirei uma cópia do documento dele e tenho em mãos o dele e o meu, a pergunta é a seguinte, eu posso entrar com meu processo usando o PPP dele onde registra a mesma função e tempo como prova emprestada para mim. Sendo que não posso entrar na justiça contra a empresa, pois tenho vários parentes aqui e certamente eles seriam demitidos.

    • Cristiane Costa disse:

      Bom dia, Sr. Carlos

      Indicamos que entre em contato com o seu antigo empregador e verifique o que está ocorrendo, pois as informações que constam no PPP, são retiradas de documentos (laudos e programas) da empresa que foram confeccionados na época em que você trabalhava.

      Agradecemos a sua visita.
      Um abraço!

  37. jose donizetti moraes da silva disse:

    Ola trabalhei durante 9 anos como tratorista na fazenda. e perdi minha carteira de trabalho. gostaria de pedir ppp p/ aposentadoria. especial pois atê agora meu trabalho sempre foi de risco e estou peste a me aposenta. mais minha duvida ê mesmo sem minha carteira eu vou consegir me aposentar. obrigado

  38. Muito bom o site, inclusive fiz uma consulta, enviei por email.

    grata.
    Nelilda

  39. Raphael Moura disse:

    Cristiane Costa
    Parabéns pelo Site!

    Você não tem noção de quantas pessoas estão sendo beneficiadas pelas questões respondidas.
    A dúvida de um muitas das vezes é a dúvida de muitos.

    Atenciosamente
    Raphael

Deixe um Comentário